Expressões gordofóbicas para tirar do vocabulário

Você sabe o que é Gordofobia? É o termo é usado para identificar o preconceito que pessoas gordas sofrem na vida afetiva, social e profissional, sendo discriminadas ou excluídas de alguma forma exclusivamente por não serem consideradas de um peso “ideal”.

Muitas frases que falamos e repetimos no dia a dia podem ser consideradas gordofóbicas. Algumas expressões podem ser ofensivas mesmo camufladas de elogios. Conheça algumas expressões gordofóbicas usadas no cotidiano para tirar do vocabulário.

“Estou enorme de gordo”

Em geral, essa expressão é dita por uma pessoa que engordou um pouco. É completamente gordofóbica, pois a ênfase nos quilos a mais é como se isso fosse o fim do mundo. Como se estivesse feia ou deslocada.

“Fulano é fofinho, cheinho, tem excesso de fofura”

É preciso parar de usar eufemismos para falar sobre os corpos alheios. Uma pessoa gorda é uma pessoa gorda. Gorda não é xingamento, não é palavrão, não significa que alguém é melhor ou pior. É só uma característica. Como se é branca, como se é negra, como se é alta, baixa, se é gorda ou magra.

“Gordice”

Essa expressão é muito gordofóbica e deve ser excluída do vocabulário. É que sempre que se utiliza ela é para referenciar pratos e guloseimas cheias de calorias, reforçando a ideia de que todo gordo é uma pessoa que se abastece de comidas pouco saudáveis, cheias de gordura, açúcares e afins.

“Eu tenho cabeça de gordo”

Essa é mais uma daquelas frases que associam o gordo a uma pessoa que não faz outra coisa na vida a não ser comer. Como se a vida inteira dele girasse em torno de um prato de comida. Portanto, não fale isso.

“Olho gordo”

Essa expressão aparentemente inofensiva, que no senso comum significa que alguém tem inveja de outra pessoa tem um viés bem gordofóbico. A associação pejorativa de um significado ruim à palavra gorda é péssima. É como se o gordo estivesse sempre querendo mais. Como se fosse insaciável e precisasse querer tudo.

“Você deveria cuidar melhor da saúde”

Essa livre associação que se faz imediatamente de uma pessoa gorda com o não ser saudável não é correta. Há muitos magros com os exames muito piores do que os gordos. Ninguém olha para uma pessoa magra e pensa que ela pode ter algum problema de saúde. Mas no caso do gordo, essa associação acontece rapidamente.

“Baleia”, “bola” e “rolha de poço”

São muitos os apelidos que as pessoas gordas ganham pelo simples fato de serem gordas. Portanto, esses termos não são engraçados e não podem ser usados para fazer piadas. Em tempo: não se deve fazer piada com o típico físico das pessoas.

“Corpo perfeito” ou “acima do peso ideal”

Qual é o seu corpo perfeito? Já parou para pensar que o que é perfeito para você pode não ser para outra pessoa? Além disso, quando o termo “corpo perfeito” é usado, na maioria das vezes, ele refere-se aos corpos de pessoas magras, o que dá a entender que ser gordo é errado ou imperfeito.